sábado, 6 de novembro de 2010

II Fragmento - Através

II


em verdade a palavra em mim inicia
anuncia o campo preparado para a colheita
do que depois será voz módulo estéreo
amperagem processada ou imagem gráfica
digitalizada tridimensional ou como queiram
ou possam traduzir-me do incêndio
que ateei no desvão de minha memória já agora
cinza de rescaldo sem aparato de onde surja
o pássaro fênix ressurgido que eu repudio
para não reeditar e reeditar entradas e entradas
até que inexistam saídas
saída para o que eu errei e tudo torne
saída para o que silenciei e tudo torne
saída para o que me mate e tudo torne
existindo porque e não através de
como fosse negligência das escolhas
que realizei durante a viagem
de meu corpo finitude

Nenhum comentário:

Postar um comentário